Formula Vee Brazil

Formula Vee Brazil
Click na Foto Acima para Saber Tudo Sobre a Formula Vee Brazil

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Acertando o carro do Barrichello

O nosso herói Rubens Barrichello nunca testa em janeiro, depois abre o berreiro. Para evitar que isso aconteça em 2010 dei uma acertada no carro para ele.
Embora pareça o primeiro e único FFord dele, o carro na realidade é uma Williams deste ano mesmo. Fizemos isso para enganar a FIA que fica proibindo testes, uns incompetentes.
O carro não requer nenhuma habilidade maior, contorna as curvas de maneira excelente e chega a uma velocidade impressionante no final da longa reta de Guaporé mesmo com a relação pedindo mais marcha. Só nesse local devido às ondulações requer maior atenção, mas é só dar um toquinho no freio e contornar a curva sem sustos.
A foto é do Antonio Seabra que depois andou no carro também para ajudar o nosso "ídalo". Não vai ser por falta de ajuda que o Barrica vai deixar de ganhar o campeonato este ano.

7 comentários:

Francisco J.Pellegrino disse...

Eu aqui fico imaginando nas suas mãos toda esta potencia de 36 Hp a 4.500 rpm, esguelando e xingando os quero-quero...a história da loira no sub blog tá bem melhor.

Francis Henrique Trennepohl disse...

Acelera "Barrica"!!!! hahahahahaha

regi nat rock disse...

hahahahahahahah

Deixa a FIA saber desses treinos secretos...

roberto zullino disse...

Maloqueiro,
Não fale besteira, é só o M viajar que vc se solta.
Esse carro tem muito mais que 36 HP e anda muito mais que a Veraneio GT.
O Paulo teve o maior trabalho em disfarçar a Williams do Barrica e você a confunde com o Fittivê do Schumacher que também tive que acertar.

João Cesar disse...

Coitado do Spyder 550, depois de sentar no carro do 'barrica', vai ficar 2 segundos mais lento ... hahahahah

M disse...

O Spyder está sendo "adapitado" para vender cachorro quente lá no centro de Cotia !
O Zuzu já tirou até a "lissença"....

Mestre Joca disse...

Para quem estava andando de KG-Porsche, Fittivê e assemelhados, sentar no JQ-Reynard é um salto monumental.

O carro "veste" o piloto maravilhosamente bem, mas senti uma certa dificuldade no trambulador.Empurra que é um espetáculo, chão melhor ainda. Dápara frear bem dentro da curva, parece que o bicho está num trilho.

Tem o problema do blocante, para quem não está acostumado sempre se acha que dá para acelerar mais até o carro avisar do abuso.

Mas é ótimo de dirigir (eu falei dirigir, não sei pilotar...)